Prefeitura de Nova Venécia implanta o Projeto Xadrez Pedagógico nas escolas em tempo integral

facebook twitter youtube instagram telegram whatsapp linkedin thumblr
Portal SBN
Quarta, 20 de outubro de 2021, 16:15:21

Prefeitura de Nova Venécia implanta o Projeto Xadrez Pedagógico nas escolas em tempo integral

A formação dos professores está prevista para os meses de junho, julho e agosto de 2023
Educação, N. Venécia, Tv Sbn - Xadrez

A Prefeitura de Nova Venécia, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Seme), nesta sexta-feira (19/05/2023), no auditório da EMEFTI Professora Arlene Geraldo, realizou uma formação para subsidiar a implementação do Projeto Xadrez Pedagógico nas escolas do município.

O vice-prefeito, a secretária Municipal de Educação, o secretário Municipal dos Esportes, técnicos pedagógicos da Seme, a representante da Superintendência Regional de Educação (SRE) – assessora de Regime de Colaboração – e representantes de pais e dos Conselhos das Escolas  estiveram presentes ao encontro que contou com a contribuição do professor Charles Moura Netto, instrutor internacional de xadrez e membro da Comissão Mundial de Xadrez nas escolas – FIDE -, e aconteceu em formato de palestra para os profissionais das duas escolas de Ensino Fundamental em Tempo Integral da rede municipal de ensino de Nova Venécia.

Com o objetivo de alinhar as ações necessárias para a  implementação do Xadrez Pedagógico e suas vertentes nas escolas, como estratégia pedagógica capaz de contribuir para o desenvolvimento integral dos alunos, melhorando o seu desempenho acadêmico e fortalecendo suas habilidades cognitivas e socioemocionais, a palestra teve como foco a sensibilização do público presente.

O projeto que Nova Venécia está implantando é reconhecido pela Confederação Brasileira de Xadrez e contará com recursos do Programa Capixaba de Fomento à Implementação de escolas municipais de Ensino Fundamental em Tempo Integral (PROETI) para custeá-lo desde a formação dos profissionais à aquisição de materiais pedagógicos para sua execução.

A formação dos professores está prevista para os meses de junho, julho e agosto de 2023, com carga horária mínima de 40 horas, distribuídas em 16 horas presenciais e 24 não presenciais.

Inicialmente a implementação acontece na EMEFTI “Bairro Altoé” e na EMEFTI “Professora Arlene Geraldo” compreendendo a parte diversificada do Currículo, denominada como disciplinas eletivas. Dois murais, 60 tabuleiros de xadrez e  dez relógios serão os materiais pedagógicos adquiridos para o desenvolvimento das novas aulas.

A secretária Municipal de Educação já participou de outros projetos de xadrez no Estado e garante que este é um instrumento pedagógico de grande relevância. “É comprovado o êxito  do jogo de xadrez como ferramenta educacional. Nosso intuito é promover a expansão dessa atividade para as escolas da rede municipal”, declarou a gestora.

Portal SBN

Últimas da Bahia

Veja Mais +