Estados

  • Contato:
    (73) 99936-1132
    Luscivanio Lopes
  • Contato:
    (27) 99798-9398
    Luscivanio Lopes

Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias

Seis pessoas ficaram feridas, incluindo duas crianças em Pontal do Ipiranga

Seis pessoas ficaram feridas, incluindo duas crianças em Pontal do Ipiranga
13 janeiro 21:59 2020 Imprimir notícia
Trânsito

Um homem é suspeito de causar um acidente, intencionalmente, após discutir com a companheira dele, em Pontal do Ipiranga, Linhares, no Norte do Espírito Santo. A batida aconteceu na rodovia ES-358, neste domingo (12/01). Seis pessoas ficaram feridas, incluindo duas crianças.

Segundo a polícia, o homem e a mulher tiveram uma discussão pouco antes do acidente, ainda em Pontal do Ipiranga. A mulher foi agredida com um soco no rosto.

Em seguida, ela conseguiu uma carona voltar para casa em outro carro, mas o homem perseguiu o veículo, no carro dele, até provocar o acidente, durante uma ultrapassagem.

“Por conta dessa agressão, a vítima procurou ajuda para que fosse retirada do local e acabou encontrando essa carona. Essas seis pessoas deram carona para a vítima. Em Pontal do Ipiranga, o autor da agressão, em seu veículo, acabou atingindo o carro da vítima, e fez com que ele se desgovernasse, perdesse o controle e acabasse capotando, ferindo várias pessoas”, explicou o delegado Fabrício Lucindo.

No carro do suspeito, havia apenas ele. Já no outro veículo estavam a mulher, três homens, mais uma mulher e duas crianças.

O suspeito de provocar o acidente não fez o teste do bafômetro e permanece internado no Hospital Geral de Linhares (HGL). Segundo o delegado, ele pode responder por tentativa de homicídio.

“Amanhã mesmo, vamos enviar os policiais para o hospital, para ouvir todas as pessoas. Ele provavelmente vai ser indiciado por homicídio tentado, porque, ao jogar o carro cima do carro que estava conduzindo a vítima, ele causou o acidente que feriu tantas pessoas”, explicou o delegado.

Já a motorista do carro atingido no acidente contou à polícia que não tinha carteira de habilitação. Ela, um homem e os dois filhos dele, um menino de 6 e uma menina de 9 anos, foram socorridos para o HGL.

Uma das crianças feridas gravemente neste acidente teve uma fratura na perna e precisou ser transferida para um hospital em Vitória.

A mulher do motorista que teria provocado o acidente foi socorrida para um hospital no Centro de Linhares. Não há informação do estado de saúde dela.

PORTAL SBN | COM INFORMAÇÕES G1

Deixe seu comentário

SIGA-NOS