Estados

  • Contato:
    (73) 99936-1132
    Luscivanio Lopes
  • Contato:
    (27) 99798-9398
    Luscivanio Lopes

Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias

Universitário baleado nas costas por policial militar recebe alta

Universitário baleado nas costas por policial militar recebe alta
13 abril 19:41 2019 Imprimir notícia
Justiça

O universitário Caio Rodriguez de Oliveira, de 24 anos, recebeu alta hospitalar. O jovem foi baleado pelo policial militar Alex Lopes Neves após uma suposta briga de trânsito no último dia 30 de março, na Rodovia do Sol, no município de Vila Velha.

A informação foi confirmada pela mãe de Caio, a publicitária Flavia da Veiga, em uma rede social. "Hoje (sexta-feira), treze dias depois, meu filho teve alta do hospital. Foram dias de tristeza, fé, gratidão, esperança, dor, tudo junto e misturado. E de lá para cá, entendi que tudo foi um milagre. O primeiro milagre foi meu filho estar vivo. E é esse milagre que me faz acordar todos os dias agradecendo. Muitos outros milagres aconteceram: a rapidez do socorro, a excelente equipe médica, os amigos que muito ajudaram, a cirurgia que foi um sucesso", disse.

O tiro atingiu a coluna do universitário. A publicitária acrescentou dizendo que ainda não há previsão de quando Caio voltará a andar. "Ainda temos um longo e doloroso caminho a seguir. Não sabemos quando meu filho voltará a andar. Mas temos a certeza que um dia esse dia chegará. Eu escolhi acreditar que tudo na minha vida é um milagre. Talvez esse seja o segredo para encontrar a felicidade verdadeira".

Segundo a polícia, o militar confessou que atirou contra o rapaz. Alex Lopes segue preso no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar em Maruípe, Vitória, por tentativa de homicídio.

Tiro atingiu a coluna

Logo após ser atingido, o jovem ficou sem o movimento das pernas, perdeu o controle da direção do automóvel e bateu em uma vegetação. O disparo feito pelo policial militar atingiu a sexta vértebra da coluna da vítima. Ele passou por uma cirurgia. Em depoimento, o rapaz afirmou não saber o que motivou a ação do suspeito.

PORTAL SBN | COM INFORMAÇÕES FOLHA VITÓRIA

Deixe seu comentário