Estados

  • Contato:
    (73) 99936-1132
    Luscivanio Lopes
  • Contato:
    (27) 99798-9398
    Luscivanio Lopes

Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias

Projeto Pesca Forte promove atividades com os pescadores e seus familiares com sustentabilidade e respeito ao meio ambiente

Projeto Pesca Forte promove atividades com os pescadores e seus familiares com sustentabilidade e respeito ao meio ambiente
14 agosto 09:50 2019 Imprimir notícia
Bahia

O projeto proporciona a reflexão sobre o dia a dia dos pescadores e sobre o resultado das atividades que desenvolvem

Julho foi um mês importante para as comunidades de Ponta de Areia, Barra de Caravelas, Caravelas e Ilha de Miringaba. Os pescadores e suas famílias participaram da Trilha do Conhecimento – Saberes Tradicionais, ação que faz parte do projeto “Pesca Forte – uma iniciativa solidária e justa” desenvolvida pela Suzano. A Trilha do Conhecimento aconteceu nos dias 19, 20, 27 e 28 de julho, e os pescadores puderam refletir sobre o seu dia a dia, valorizar seus conhecimentos e os resultados de suas atividades de pesca e mariscagem tradicionais.

Os pescadores passaram por cinco tendas que contavam o cotidiano deles, desde a hora em que acordam, saem para o mar, voltam, vendem seus produtos e retornam para casa. “Fizemos representações do cotidiano deles e muitos pescadores se encontraram ali. Foi emocionante”, relata a analista de meio ambiente da Suzano, Thais Fanttini.

O consultor de Desenvolvimento Social e Territorial da Suzano, Narcisio Luiz Loss, destaca que as atividades do projeto são realizadas para que os pescadores resgatem seus valores e a cultura local. “Para isso, fazemos debates sobre economia solidária e a roda de conversa com causos de pescador. A partir das questões levantadas nessas atividades é que realizamos a Trilha do Conhecimento para fortalecer ainda mais esse resgate”, conta ele.

O projeto é uma proposta conjunta entre as associações do setor pesqueiro do município de Caravelas e tem como objetivo agregar valor aos peixes, crustáceos e moluscos extraídos da Reserva Extrativista de Cassurubá. Visa, ainda, promover a atividade pesqueira familiar com sustentabilidade e respeito ao meio ambiente.

O Pesca Forte é uma iniciativa que contribui para a melhoria da qualidade de vida da comunidade pesqueira, com atividades de busca de conhecimento das verdadeiras necessidades locais, atividades sociais desenvolvidas e coordenadas pelo Programa de Apoio à Atividade Pesqueira (PAAP) e Programa de Comunicação Social e Educação Ambiental (PEA).

As atividades do projeto são realizadas sob gestão das lideranças das associações representativas das comunidades pesqueiras. São elas: AMTM – Associação dos Moradores da Tapera e Miringaba; Associação dos Moradores, Pescadores e Marisqueiras do Povoado da Barra de Caravelas; APESCA – Associação dos Pescadores de Rede de Arrasto, Boeira, Fundo e Arraieras de Caravelas; AMPAC – Associação de Marisqueiros de Ponta de Areia e Caravelas; Coompescar – Cooperativa dos Marisqueiros e Pescadores de Caravelas; e Colônia de Pescadores Z-25 de Caravelas.

PORTAL SBN| SISTEMA BRASILEIRO DE NOTÍCIAS

Deixe seu comentário