Estados

  • Contato:
    (73) 99936-1132
    Luscivanio Lopes
  • Contato:
    (27) 99798-9398
    Luscivanio Lopes

Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias

Incêndio destrói duas casas e deixa adolescente ferido em Vila Velha

Incêndio destrói duas casas e deixa adolescente ferido em Vila Velha
24 agosto 19:42 2019 Imprimir notícia
Espírito Santo

Duas casas de madeira ficaram completamente destruídas durante um incêndio na Rua Nossa Senhora dos Navegantes, no bairro Ilha das Flores, em Vila Velha, por volta das 6 horas deste sábado (24). Um adolescente de 15 anos ficou ferido.

O estudante Guilherme Dias Coelho estava dormindo no quarto com outros três irmãos: um menino de 10, e duas meninas, de 8 e 4 anos. Ao perceber a perna queimando, o adolescente acordou assustado. O trio estava em uma treliche.

Segundo Guilherme, o ventilador que estava no cômodo parou de funcionar, caiu e atingiu a colcha utilizada por ele. O rapaz acredita que o aparelho tenha esquentado e queimado a colcha usada por ele ao dormir. O fogo se alastrou para a cama onde as crianças estava.

“O fogo queimou a minha perna e eu acordei assustado. Tirei meus irmãos correndo e acordei meus primos que moram na casa ao lado. A gente tentou apagar, mas já era tarde demais porque começou a pegar fogo nos fios, deu curto-circuito e explodiu tudo”, disse o estudante em entrevista à TV Gazeta.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e apagou as chamas. A cuidadora Fabiana Dias Coelho, 34 anos, é dona de uma das casas. A mãe de Guilherme não estava em casa na hora do incêndio. Ela costuma chegar na residência no início da manhã.

“Perdi tudo, mas graças a Deus estamos todos bem. Eu e meus filhos só estamos com a roupa do corpo. Vamos ter de dormir na casa de parentes agora”, disse Fabiana, após reencontrar os filhos. A outra casa incendiada pertence a uma das irmãs dela.

A dona do imóvel está em viagem para a Região Noroeste do estado. Na hora do incêndio, um casal de adultos estava na residência. Eles não ficaram feridos porque foram acordados por Guilherme.

SEM PERÍCIA

O Corpo de Bombeiros Militar informou que edificações eram de madeira. Os donos dos imóveis não solicitaram perícia e não há relatos das causas que levaram ao incêndio.

VIZINHOS DEVEM DEIXAR IMÓVEL

Vizinhos ao terreno que abrigava as casas incendiadas foram orientados pela Defesa Civil de Vila Velha a deixarem o imóvel onde moram por questões de segurança. O coordenador da Defesa Civil municipal, coronel Marcelo D’Isep, no entanto, disse que uma análise preliminar não apontou danos à estrutura.

Os moradores deverão retornar na próxima segunda-feira (26). “Nós avaliamos a questão da estrutura das casas incendiadas, mas houve destruição total. Mas como o calor também atingiu a edificação vizinha, orientamos os vizinhos, de um sobrado ao lado, a saírem de casa no fim de semana e na segunda-feira retornam”, disse.

O coordenador destacou que, como não será feita perícia por parte dos Bombeiros, não será possível certificar a causa do acidente. “Segundo informações colhidas no local, as redes de água e luz das casas eram clandestinas. Às vezes, essas ligações não tem bitola do fio correta, não há direcionamento de carga e realmente pode provocar um curto circuito e originar um incêndio.

PORTAL SBN | COM INFORMAÇÕES GAZETA ONLINE

Deixe seu comentário