Estados

  • Contato:
    (73) 99936-1132
    Luscivanio Lopes
  • Contato:
    (27) 99798-9398
    Luscivanio Lopes

Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias

Carne vegetal: saiba mais sobre essa fonte de proteína sem origem animal

Carne vegetal: saiba mais sobre essa fonte de proteína sem origem animal
03 junho 14:49 2019 Imprimir notícia
Alimentação

Cada vez mais priorizando a alimentação saudável e o consumo consciente, os brasileiros estão aderindo à dietas veganas e vegetarianas e, também, escolhendo pelo menos um dia da semana para não ingerir ingredientes de origem animal ou diminuindo esse consumo. Com a ascensão do vegetarianismo e de simpatizantes da dieta, a carne vegetal, é a nova aposta de hamburguerias no País.

Com aroma, textura, tempero, sabor e aparência semelhante à carne animal, empresas estão apostando em produzir o hambúrguer vegetal, que também pode ser adquirido em mercados ou então ser feito em casa.

Mas, o não consumo de proteína animal ainda gera muitas dúvidas na população. Para esclarecer alguns questionamentos, a nutricionista Tassia Muller, explica mais detalhes sobre essa dieta.

O que são proteínas?

A proteína é um tipo de substância formada a partir de um conjunto de aminoácidos ligados entre si com função na construção e reparação das células do nosso corpo. “Não há sequer um processo biológico do qual as proteínas não participem, isto porque, além de estarem envolvidas de forma ativa no conjunto de reações químicas, muitas células são compostas por proteínas”, explicou.

Fontes de proteínas vegetais

A proteína vegetal é encontrada em alimentos como grãos, soja, sementes, leite vegetal, entre outros. “Há uma infinidade de opções para quem quer diminuir o consumo de proteína de origem animal. As fontes de proteína vegetal mais comuns são leguminosas, como grão de bico, feijões, soja, ervilha, lentilha, quinoa e espelta, um tipo trigo vermelho, assim como nozes e castanhas e sementes como linhaça e chia”, aponta.

A especialista também recomenda algumas substituições de alimentos e suplementação em alguns casos, para suprir a falta da proteína animal.

“Para manter a quantidade necessária de ferro, o ideal é consumir alimentos que contenham vitamina C, como exemplo. Já o cálcio, muito associado ao leite e derivados, pode também ser encontrado, em vegetais como brócolis e grão-de-bico. E a soja é um aliado para quem não consome carne, por suprir as necessidades proteicas”, informa a nutricionista. Sobre a vitamina B12, ela pode ser encontrada nos ovos e leite, por isso, alguns vegetarianos devem tomar suplementos da vitamina.

Como consumir carne vegetal em casa?

Taissa revela que há um alimento simples que pode ser adquirido em armazéns e lojas de produtos naturais, o seitan, que é uma carne de glúten que entra na categoria de carne vegetal. Segundo a nutricionista, o alimento é derivado de uma proteína de trigo que surgiu na antiguidade, assim como o tofu - outra fonte de proteína muito utilizada por vegetarianos.

“O seitan é o resultado de enxaguar e cozinhar uma massa de trigo, removendo seu amido, deixando uma substância densa, que se tornou uma saborosa alternativa à carne. Outra sugestão, são os hambúrgueres de soja fáceis de fazer em casa", finaliza a nutricionista da Policlínica Granato.

PORTAL SBN | COM INFORMAÇÕES REDAÇÃO FOLHA VITÓRIA

Deixe seu comentário