Estados

  • Contato:
    (73) 99936-1132
    Luscivanio Lopes
  • Contato:
    (27) 99798-9398
    Luscivanio Lopes

Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias Portal SBN | Sistema Brasileiro de Notícias

Capixabas são convocados para os Jogos Pan e Parapan-Americanos 2019

Capixabas são convocados para os Jogos Pan e Parapan-Americanos 2019
23 julho 16:04 2019 Imprimir notícia
Esporte

Uma imensidão de atletas com um mesmo objetivo: brilhar no Peru. São mais de 6 mil esportistas das Américas nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019 e entre eles, um grupo de capixabas quer levar o nome do Espírito Santo ao lugar mais alto do pódio.

Serão 17 dias de competição com atletas de 41 países disputando 38 modalidades. O Brasil terá grandes nomes do esporte em ação, como o ginasta Arthur Zanetti, o canoísta Isaquias Queiroz, a judoca Rafaela Silva e a nadadora Ana Marcela Cunha. No entanto, modalidades tradicionais, como futebol e basquete, não terão representação brasileira.

Na delegação do Espírito Santo, uma das principais esperanças de medalha é o velocista Paulo André Camilo. O atleta paulista radicado no Estado chega ao Peru após uma temporada de competições e conquistas na Europa.

Outro que chega com muita expectativa é o experiente nadador João Gomes Júnior. Aos 33 anos, o capixaba está na Coreia do Sul para a disputa do Mundial de Esportes Aquáticos e, com fôlego de garoto, vai com tudo direto para o Pan-Americano.

- Foi uma preparação bem intensa, com várias competições, então peguei bem o ritmo para chegar nas duas e conseguir o melhor resultado.

Capixabas no Pan 2019

Nome Idade Modalidade Provas

  1. Natália Gaudio 26 anos Ginástica Rítmica Individual
  2. Déborah Medrado 16 anos Ginástica Rítmica Conjunto
  3. Paulo André Camilo 20 anos Atletismo 100m, 200m e 4x100m
  4. João Luiz Gomes Júnior 33 anos Natação 100m peito e 4x100m medley
  5. Vangelys Reinke 27 anos Remo 4- Peso Leve
  6. Vinícius Teixeira 31 anos Handebol Torneio

Vangelys Reinke, do remo do Flamengo, é novato quando o assunto é Pan-Americano, enquanto Natalia Gaudio, aos 26 anos, vai para a sua terceira edição. Ela está mais confiante do que nunca.

- Me sinto muito confiante na série de arco e de maças. Fiquei em primeiro lugar na semifinal e na final do Campeonato Brasileiro nesses aparelhos - e também na bola. Só fiquei em segundo lugar na fita. Então estou indo com força total nesses dois aparelhos.

Além de Natalia, no individual, Deborah Medrado vai representar o Estado na seleção de conjunto. Pan-Americano é sinônimo de conquistas para Vinícius Teixeira. E no terceiro Pan da carreira do pivô, ele quer que confirmar o bom momento pela seleção de handebol.

PORTAL SBN |COM INFORMAÇÕES GLOBOESPORTE.COM

Deixe seu comentário